Cacalo: “Foram-se todas as lágrimas por Fábio Koff”




Foi muito triste a despedida do presidente Fábio Koff. E não poderia ser diferente. Todas as pessoas que lá estiveram estavam profundamente consternadas com a perda do nosso grande presidente. Pessoalmente, em nossa convivência, somente recebi ensinamentos, apoio integral e sentimentos paternais de parte dele. Foram muitos anos juntos diariamente. 

Leia mais
Gre-Nal encontra técnicos de Grêmio e Inter em momentos opostos
O estreante que pode fazer a diferença para o Grêmio no Gre-Nal 416
Estreante em Gre-Nal, centroavante André chama Patrick e Lucca de “ex-amigos”

A relação comigo transcendeu aquela de um comandante com seu vice-presidente de futebol. As vitórias que obtivemos foram fáceis de comemorar. Mas, nas derrotas, é que pude perceber, experimentar e aprofundar seu alto sentimento de lealdade e fidelidade. Não entendi muitas vezes de onde ele tirava forças para confortar a todos. Sua perda foi uma choradeira geral, com lágrimas sinceras e comprometidas com sua bondade e generosidade.

Leia a notícia completa em:

Cacalo: "Foram-se todas as lágrimas por Fábio Koff"