Cacalo: “É muito mais difícil manter uma equipe campeã do que construir outra”




Tenho certeza de que todo torcedor gremista vive um momento de sonhar com grandes contratações. Aliás, como ocorre em todos os inícios de ano. Mas, em futebol, há uma lógica que ainda não consegui decifrar e que se confirma todos os dias. 

Leia mais
Grêmio contrata goleiro Júlio César, do Fluminense
Com baixas no meio-campo, Grêmio pode reabrir conversas com Cícero
Duas saídas e um reforço: qual é o time titular do Grêmio no início de 2019 

Quando uma equipe como o Grêmio alcança a conquista de inúmeros títulos importantes em dois anos seguidos, nasce a ideia de que o time está pronto para a temporada seguinte. Nesse ínterim, acontecem muitos fatos aleatórios e alheios à vontade de todos, que começam a alterar a fotografia do grupo. São lesões, vendas, trocas, aquisições, enfim, uma série de fatores que contribuem para essa mudança de panorama. 

Mesmo que o dirigente “entre em campo” na busca

Leia a notícia completa em:

Cacalo: "É muito mais difícil manter uma equipe campeã do que construir outra"