Do outro lado do mundo: gremista conta como é viver a era vitoriosa direto da Austrália




O gremista Felipe Vieira deixou o Brasil em 2015 e levou na mala um misto de decepção e incerteza com relação ao Grêmio, que, por mais que tentasse, não parecia encontrar maneira de dar fim ao jejum de grandes títulos. Natural de Caxias do Sul, o torcedor foi pela última vez na Arena em uma vitória por 3×0 sobre o União Frederiquense, pelo Gauchão, e de lá pra cá, coincidência ou não, viu do outro lado do mundo o tricolor empilhar conquistas.

Em Brisbane, na Austrália, Felipe trabalha como chef de cozinha, muito embora tenha se formado em Comércio Exterior. Em entrevista exclusiva ao Torcedores.com, o gremista revela que mudou a carreira pelo desejo de morar fora do país e que, muito por conta do fuso horário, precisa se desdobrar para poder acompanhar o tricolor.

“Eu acompanho tudo relacionado ao Grêmio. Claro que eu já fui bem mais louco como torcedor, até

Leia a notícia completa em:

Do outro lado do mundo: gremista conta como é viver a era vitoriosa direto da Austrália