Em momento decisivo, Grêmio tenta amenizar prejuízo das ausências de Everton e Grohe




Foto: Reprodução

O sábado (6), que se desenhava promissor para o Grêmio, terminou com uma preocupação que irá se prolongar pelos próximos dias. Para começar, faltou a vitória contra o Bahia, na Arena, que colocaria a equipe na vice-liderança do Brasileirão e em condições de assumir a ponta na rodada seguinte. Por fim, coube a Renato antecipar-se ao diagnóstico médico e, baseado em sua experiência como ex-jogador, anunciar que a lesão muscular sofrida por Everton no final do primeiro tempo praticamente o alija do primeiro jogo contra o River Plate, pelas semifinais da Libertadores.

Uma outra preocupação ainda emergiu do abatido vestiário do Grêmio. Renato foi duro ao dizer que a desatenção defensiva que gerou o primeiro gol do Bahia, a dois minutos de jogo, não mais poderá se repetir, sob pena de tirar do clube a possibilidade de terminar o ano sem mais títulos, meta considerada prioritária.

Ao falar sobre

Leia a notícia completa em:

Em momento decisivo, Grêmio tenta amenizar prejuízo das ausências de Everton e Grohe