Grêmio conhece palco de jogo contra Monagas; estado do gramado preocupa




Foto: Eduardo Deconto

A primeira impressão gremista do Monumental de Maturín não foi lá muito positiva. Após treinar em um campo anexo, o Grêmio fez o reconhecimento do estádio na tarde desta segunda-feira, véspera da partida contra o Monagas, às 21h30, e reprovou o estado do gramado.

O campo de jogo apresenta falhas em todos os setores, com diversos tipos de grama plantados. A qualidade do “tapete” é vista como fator para atrapalhar o toque de bola habitual da equipe, ainda que com formação mista.

O ar de preocupação ficou evidente na postura de Renato Portaluppi. O técnico se demorou ao analisar as duas áreas do campo e gesticulava ao apontar algumas falhas.

O estado do gramado, aliás, já era esperado pela diretoria gremista, com informações coletadas anteriormente. Ainda assim, há o consenso de que o clube já enfrentou palcos piores na competição continental.